UPA Walter Barbosa cria novo canal de comunicação entre pacientes e familiares

 

Em meio ao isolamento, ao medo e as incertezas provocadas pela pandemia da Covid-19, um simples gesto pode fazer uma grande diferença, seja na vida dos pacientes, que lutam contra a doença, quanto na vida de familiares que aguardam distantes por notícias.
Foi pensando nisso que a UPA Dr. Walter Cavalcante Barbosa, no Morumbi, criou um novo canal de comunicação. Além do atendimento via Whatsapp pelo número 45 2105-8080, as equipes de enfermagem estão fazendo videochamadas com os familiares dos pacientes internados com a Covid-19. A medida se faz necessária já que a presença de acompanhantes não é permitida.
“Pra nós, é como um acalento, uma paz, uma esperança”, disse Elisandra Matos, que está com o pai, de 66 anos internado na UPA Walter desde o dia 2 de março. Ela explica que a realização das videochamadas ajuda a manter o vínculo afetivo com os familiares.

“Cada vídeo, mesmo com ele debilitado, com olhos abertos ou fechados, nos dá força para continuar lutando aqui fora. Apesar de ser difícil ver ele nessa situação, percebi que houve uma melhora no quadro quando passamos a enviar mensagens de força. O estado dele ainda é grave e oramos todos os dias, mas sabemos que este trabalho da equipe faz toda a diferença na nossa e na vida dele”, disse.

As videochamadas são feitas com um tablet da própria unidade, disponibilizado para essa função.
A enfermeira e gerente assistencial das UPAS, Carolina Scheifer e o supervisor de enfermagem, Saulo Pereira são os responsáveis por este trabalho e realizam, em média, 30 videochamadas por dia.
“Por várias vezes os meus olhos marejaram e eu me senti mais importante do que nunca por poder ajudar a ser portadora desses momentos de amor entre eles. Temos uma equipe maravilhosa lutando bravamente todos os dias por esses pacientes e por suas famílias”, descreveu Carolina.
Segundo o coordenador das UPAS, Adriano Pavan, as “visitas virtuais” levam amparo às famílias que sofrem com as incertezas da doença.  “Quando o paciente não está lúcido, fazemos um contato prévio com a família para passar as informações. A grande maioria pede para ver o paciente, para enviar uma mensagem, e quando os pacientes estão bem, a conversa flui e as famílias ficam agradecidas”, contou.

Orientação
Devido ao volume de trabalho na UPA Morumbi, ainda não é possível atender a todos os pacientes através das videochamadas. A orientação para atendimento via Whatsapp é para que apenas um membro da família faça contato com a unidade, facilitando, desta forma, o tempo resposta

UPA Morumbi 
Desde o dia 26 de fevereiro, a UPA Morumbi funciona como porta de entrada para pacientes com a Covid-19. A unidade funciona 24 horas para atendimento e coleta de exames (agendados por meio do Plantão Covid).

A intenção é desafogar o atendimento no Hospital Municipal Padre Germano Lauck, que está com mais de 100% de ocupação na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Covid há mais de três semanas.
Assessoria
Facebook
Google+
Twitter
× Como posso te ajudar?