TRANSPORTE COLETIVO COM MAIS ÔNIBUS

O diretor-superintendente do Instituto de Transporte e Trânsito de Foz do Iguaçu, Fernando Maraninchi, afirmou nesta terça-feira (11) que não existe mais por parte da prefeitura a determinação de transporte coletivo urbano diferenciado.

Com isso, as empresas podem aumentar a frota de veículos conforme o aumento no número de passageiros, respeitando os 50% da capacidade. Maraninchi informou que o número de passageiros aumentou 12% nas últimas semanas, o que possibilita o retorno dos ônibus na mesma proporção.

“Com isso a gente espera que volte mais ônibus gradativamente. A decisão judicial que permitiu o Consórcio operar em horário de domingo ainda vigora, mas defendemos que perdeu o efeito”, disse.
INVESTIGAÇÃO A Prefeitura de Foz do Iguaçu instaurou um procedimento administrativo, através da criação de Comissão Especial, para averiguar a existência de vícios referente ao contrato de concessão dos serviços de transporte coletivo do município, realizado em 2010. A Portaria 70.490 foi publicada na segunda-feira (10).

A Comissão é presidida pelo diretor de Trânsito do Foztrans, Robson Lima Souza, e integrada pelos economistas consultores, Toríbio Ramão Silveira e José Borges Bomfim Filho.

O diretor do Foztrans, Fernando Maraninchi, explicou que a Comissão irá apurar irregularidades cometidas pelas empresas na fase pré-licitatória, em 2010. Com a apuração das possíveis irregularidades será aberto um processo administrativo, podendo resultar na rescisão do contrato com as empresas que compõe o Consórcio Sorriso.

 

A Comissão Especial tem prazo de 90 dias para se manifestar.
Fonte: Rádio Cultura

Facebook
Google+
Twitter
× Como posso te ajudar?