PARAGUAIA É ACUSADA DE TENTAR VENDER SEU BEBÊ

 

O Ministério Público do Paraguai investiga a denúncia de que uma mulher teria tentado vender um bebê recém nascido na zona primária da Ponte Internacional da Amizade, em Cidade do Leste (PY).

Segundo o MP-PY a mulher de 32 anos seria usuária de drogas e ofereceu a criança à manifestantes acampados na região da aduana, que denunciaram a situação à Polícia Nacional. As autoridades chegaram a tempo de flagrar a mulher, que demonstrou agressividade e foi presa.

A promotora Estela Mary Ramírez, pediu a prisão da mulher, que foi levada para a Delegacia de Mulheres da Polícia de Alto Paraná. A criança foi entregue à uma tia.

 

 

ABC Color

Facebook
Google+
Twitter
× Como posso te ajudar?