Paraguai assina contrato para obra que permitirá utilizar 100% da energia correspondente ao país de Itaipu

 

O governo do Paraguai, através da Administração Nacional de Eletricidade (ANDE), assinou nesta quarta-feira (4) um contrato de US$ 64 milhões para a construção da subestação Yguazú.

O contrato com o Consorcio Siemens-Rieder–Yguazu prevê a construção de uma linha de transmissão de 500 kV, com conclusão em 2022. O presidente Mario Abdo Benitez disse que o projeto possibilitará que o país utilize 100% da energia correspondente ao país gerada pela usina de Itaipu Binacional.

“Isso significa que, pela primeira vez na história, o Paraguai vai pode dizer finalmente, que temos nossa soberania energética quanto a Itaipu para trazer desenvolvimento e investimento. A estratégia deve ser que se venda aqui, se produza aqui, para cá e para o mundo”, disse Abdo Benitez.

O presidente lembrou ainda, que no dia 1° de outubro o país utilizou 90% da energia correspondente ao país produzido pela hidrelétrica de Yacyretá, a binacional entre Paraguai e Argentina.

 

 

 

Assessoria

Facebook
Google+
Twitter
× Como posso te ajudar?