Obras do Condomínio do Idoso de Foz do Iguaçu estão na reta final de conclusão

 

As obras do Condomínio do Idoso de Foz do Iguaçu, no bairro Três Lagoas, devem ser finalizadas em abril. A previsão foi confirmada pelo Governo do Paraná.

O condomínio é uma parceria entre o governo estadual, por meio da Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar) e a Prefeitura de Foz do Iguaçu.

São 40 casas exclusivas para moradores da terceira idade em formato de loteamento fechado e sob um programa de aluguel social. O investimento da Cohapar nesta, que é a segunda unidade do programa Viver Mais Paraná, atingiu R$ 4,29 milhões.

As casas têm 42 metros quadrados e foram construídas em duplas, conjugadas. São de alvenaria, inclusive a laje, levando em consideração as necessidades climáticas da cidade. Os imóveis têm sala, cozinha, um quarto e um banheiro, além de uma lavanderia externa, projetados para abrigar um idoso ou um casal.

As unidades também serão entregues com piso, acabamentos e todas as instalações elétricas e hidráulicas necessárias para o idoso iniciar a mudança de imediato. Há três grandes particularidades para atender o perfil: as portas são maiores do que os projetos habituais da Cohapar, os banheiros terão barras de segurança e os acessos externos contarão com rampas, pensando também em uma rotina com cadeira de rodas.

Há, ainda, uma horta comunitária elevada com boa estrutura de concreto e floreiras, academia ao ar livre, quiosque, bancos de repouso e um centro de convivência com biblioteca, cozinha com churrasqueira, dois banheiros, sala administrativa, salão de jogos e espaço de atendimento médico. O complexo é fechado com muros e conta com portão e guarita. A administração será da prefeitura.

A obra começou em agosto de 2019 e ocupa uma área total de 11,5 mil metros quadrados, próxima ao principal acesso da “prainha de Foz”. Atualmente os trabalhos se concentram na finalização do centro de convivência e da horta, na preparação para a pintura e montagem dos forros, instalações elétricas e hidráulicas, estacionamento e pavimentação em paver para facilitar os acessos.

A iniciativa do Paraná é organizada a partir de um aluguel social de 15% do salário-mínimo (R$ 165,00). Nessa parceria, a prefeitura de Foz do Iguaçu será responsável por atendimento médico, fisioterapia, psicologia, e, eventualmente, disponibilizar uma unidade móvel para acompanhamento dos moradores. Uma das ideias é promover, também, aulas de artesanato e pintura.

O cadastro organizado pela Cohapar teve cerca de 2,6 mil inscritos. Agora está sendo feita a hierarquização da lista, conforme os critérios do programa.

Moradias

No ano passado, a Prefeitura de Foz do Iguaçu entregou 340 apartamentos do Residencial Angatuba e este ano, em parceria com a Itaipu e o Governo do Estado, foram entregues mais 25 casas em um conjunto habitacional da Vila C. Também já foram sorteados 288 apartamentos do Residencial Boicy II, que será entregue em abril, e um novo sorteio – para o Residencial Boicy I – está marcado para o dia 15 de março.

 

 

Assessoria

Facebook
Google+
Twitter
× Como posso te ajudar?