ARGENTINOS VÃO AS RUAS PROTESTAR CONTRA EXTENSÃO DA QUARENTENA

 

Milhares de argentinos foram às ruas ontem protestar contra a reforma judicial e a extensão da quarentena, anunciada no final de semana pelo presidente Alberto Fernández. Em Puerto Iguazú, a mobilização aconteceu na Praza San Martín, no centro da cidade.

O protesto #17A foi convocado pelas redes sociais, com as hashtags #17ASalimosTodos e #17ABanderazoporlaLibertad

A reforma judicial apresentada pelo atual governo propõe criar uma nova Justiça Criminal Federal, com 46 tribunais de primeira instância. Os atuais 12 tribunais criminais de Comodoro Py serão juntados aos 11 tribunais econômicos criminais, sendo criados 23 novos. O receio de parte da população é que os novos tribunais possam diluir o poder dos atuais juízes. Alguns defendem que a mudança beneficiaria a atual vice-presidente, Cristina Kirchner, acusada de corrupção quando ainda era presidente.

Outra preocupação dos manifestantes são os decretos de quarentena prorrogados constantemente por Fernández. A Argentina tem uma das quarentenas mais longas do mundo.

Para esta terça-feira (18), também em Iguazú, está prevista uma manifestação de funcionários das empresárias aéreas Low Cost. No dia 3 de setembro está marcada uma mobilização nacional do turismo.

 

 

La Voz de Cataratas

Facebook
Google+
Twitter
× Como posso te ajudar?