Hospital Costa Cavalcanti comemora 866 altas de pacientes

 

Após 45 dias internado, e considerado um caso gravíssimo e com poucas chances de melhora, quando Sr. Adilar Sartori deixou a porta do centro hospitalar a emoção foi grande. Recebido com a música “Como é grande o meu amor por você”, o irmão, Adilmar Sartori, agradeceu em nome de todos os familiares: “Estamos rezando por todos vocês profissionais, vocês são anjos incansáveis salvando vidas. Que Deus abençoe cada um de vocês”.

O diretor superintendente do HMCC, Fernando Cossa, disse ser uma honra acompanhar essa alta. “Obrigado por vocês acreditarem em nossa instituição, quero aproveitar e pedir uma salva de palmas para esses profissionais que fizeram o possível e impossível para ajudar em sua recuperação. Estamos muito felizes com sua alta”, finalizou o diretor.

 

Internação

Durante os 45 dias de internação, Sr. Adilar passou por momentos críticos. Intubado por quase 20 dias, ele teve Síndrome da Angústia Respiratória Aguda (Sara), pneumonia por covid, e mais de 75% do pulmão acometido pela doença.

Devido a gravidade do caso, e por entrar nos critérios de elegibilidade, Adilar foi indicado para uso de Oxigenação por Membrana Extracorpórea (ECMO), e permaneceu ligado ao equipamento por sete dias. Com o sucesso no tratamento, e a recuperação dos pulmões, os médicos conseguiram iniciar as medidas de preparação para a alta hospitalar.

 

Mas afinal o que é ECMO?
A Ecmo, sigla em inglês, é a oxigenação por membrana extracorpórea. A máquina pode ser usada em pessoas de todas as idades, desde que tenham critérios de elegibilidade, e possibilita substituir a atividade só do coração ou do pulmão. Segundo o médico da Unidade de Terapia Intensiva Covid do HMCC, Dr. German Pignolo, a covid-19 pode prejudicar a funcionalidade de diversos órgãos do nosso corpo. “Sobretudo os pulmões, quando acometidos de forma severa, necessitam de ajuda de equipamentos para manter o bom funcionamento”, explicou o médico.

 

Mas como funciona?
O paciente fica ligado à uma série de equipamentos responsáveis por manter a circulação de sangue de seu organismo, e quando o sangue passa pelo equipamento, ocorre a troca de dióxido de carbono por oxigênio, devolvendo ao corpo do paciente o sangue aquecido com a quantidade adequada de oxigênio.
Assessoria HMCC

Facebook
Google+
Twitter
× Como posso te ajudar?