Lindeiros têm preço especial para conhecer e visitar o Centro de Falcoaria

Os moradores dos municípios lindeiros ao Lago de Itaipu e ao Parque Nacional do Iguaçu (PNI) tem preço especial para visitar o Centro de Falcoaria, em Foz do Iguaçu. A promoção é válida até o feriado de Independência do Brasil (7 de Setembro).

O objetivo é apresentar o espaço, a técnica da falcoaria e as aves de rapina para os moradores da região. “Somos um atrativo novo e que já está encantando milhares de pessoas de vários estados, queremos mostrar aos nossos vizinhos também, explicou o falcoeiro Leandro Mautone.

Até dia 7, os moradores dos municípios lindeiros pagarão R$ 30 no ingresso. Para receber o benefício é preciso apresentar um documento pessoal com foto e comprovante de endereço.

 

O Passeio

A viagem ao mundo da falcoaria leva em média 1h30. E é dividida em duas partes.

Na primeira, os visitantes vão conhecer a história da falcoaria, arte de caçar com aves de rapina, falcões e gaviões. Uma técnica que começou a ser usada há 3 mil anos antes de Cristo. Também vão saber como são os hábitos dessas aves de rapina. “Em resumo, é uma parceria entre o ser humano e as aves, onde os dois em conjunto, conseguem alcançar melhores resultados na caça”, explicou o falcoeiro.

Na segunda parte do passeio, seguem para acompanhar o voo das nas aves no campo ao ar livre. Nada de um voo qualquer, as aves são conduzidas através de técnicas de treinamento e apetrechos, como o sino no pé, que facilita a localização.

Ao final, podem ainda fazer um passeio a cavalo ou um pinique com a família, já que o Centro é localizado dentro de uma fazenda.

Os falcoeiros explicam que as aves utilizadas nas apresentações foram retiradas de situação de maus-tratos e tráfico de animais. “Temos todo um cuidado com a preservação dessas espécies e com a saúde dos animais”.

 

Visitas

O centro está aberto diariamente 9h às 17h, mas as visitas precisam ser agendadas um dia antes por meio do whatsapp: (45) 99828-2015.
O centro está localizado na Rua Silmar Benitez, 280, bem próximo de outros atrativos de Foz como a Itaipu Binacional e o Templo Budista.

 

 

 

 

 

 

Assessoria

Facebook
Google+
Twitter
× Como posso te ajudar?