Mestrado em Integração Contemporânea da América Latina oferece 32 vagas

O mestrado em Integração Contemporânea da América Latina, da UNILA, abriu processo seletivo para alunos regulares. As inscrições podem ser feitas até o dia 22 de setembro, exclusivamente pela internet. Estão sendo oferecidas 32 vagas para ingresso em 2022. As regras, documentação necessária e o cronograma completo estão disponíveis no edital PPGICAL 014/2021 (clique aqui). Inscrições e curso são gratuitos.

Podem participar da seleção, candidatos que concluíram a graduação preferencialmente nas áreas de Ciências Humanas, Ciências Sociais e Ciências Sociais Aplicadas. Também podem ser aceitos graduados de outras áreas, desde que os projetos sejam voltados para a temática da integração contemporânea na América Latina.

Serão aceitos candidatos brasileiros e dos demais países da América Latina e Caribe. Do total de vagas, quatro são destinadas para brasileiros indígenas, afrodescendentes ou pertencentes a comunidades tradicionais, pessoas com deficiência e transgênero.

Os candidatos poderão escolher entre quatro linhas de pesquisa: Cultura, Colonialidade/Decolonialidade e Movimentos Sociais; Economia Política Internacional e Blocos Regionais; Geopolítica, Fronteiras e Regionalização; e Política, Estado e Institucionalização.

Para se inscrever, os candidatos devem ler o edital PPGICAL 014/2021 (clique aqui) e acessar a página do sistema interno da UNILA (SIGAA). A seleção será feita em duas etapas: avaliação dos projetos de pesquisa e entrevistas, ambas eliminatórias e classificatórias.

 

Sobre o programa

O Programa de Pós-Graduação em Integração Contemporânea da América Latina, que teve início em 2014, responde à própria missão da UNILA, que visa contribuir para a integração latino-americana.

O ICAL articula-se com diversos cursos de graduação já existentes na Instituição desde 2010 e pretende formar profissionais capacitados ao ensino, à pesquisa e à elaboração de políticas públicas nacionais e regionais, por meio da formação teórica, do pensamento crítico e do desenvolvimento de uma perspectiva autônoma própria de intelectual latino-americano engajado na busca de soluções para as questões sociais, culturais, políticas e econômicas da região.

Para mais informações, consulte a página do ICAL (https://programas.unila.edu.br/ical)

 

 

 

 

 

Assessoria

Facebook
Google+
Twitter
× Como posso te ajudar?